segunda-feira, 25 de abril de 2016

O Latim está na moda!

O Latim está na moda! Sempre considerei que o Latim era uma língua misteriosa e enigmática. Esse foi o motivo que me levou a estudá-la. No cinema faz-se, muitas vezes, uso desta língua para acentuar a aura mágica com que se pretende envolver o espetador. 

(Quando leio alguns textos em Latim, a minha irmã diz sempre «Ai! Parece que estás a fazer algum feitiço!!)

Fonte: http://lovelace-media.imgix.net/uploads/519/4dd4dba0-c5a5-0132-459c-0ebc4eccb42f.gif?


Ainda usamos muitas expressões latinas na língua portuguesa: umas, sobreviveram na sua forma original, outras serviram de base a provérbios, fórmulas ou ditados populares.

A Europa, apesar de heterogénea, apresenta uma matriz culturalmente unificada. Essa unidade deve-se, efetivamente, à herança clássica que foi preservada ao longo dos tempos. 

Fiquem com algumas expressões mais recorrentes e sua tradução. Assim, já podem dar um toque mais erudito às conversas entre amigos ;) 


1. Alea iacta est ('A sorte está lançada') foram palavras proferidas por César quando este decidiu atravessar o rio Rubicão. Aplicamos esta frase quando tomamos uma decisão convicta, depois de se ter hesitado durante muito tempo. 



2. Alma materOs latinos usavam-na para se referirem à pátria. Hoje, usamo-la para nos referirmos à Universidade, 'mãe alimentadora' das faculdades intelectuais.



3. O provérbio «quem tudo quer tudo perde» poderá ter sido influenciado pela máxima latina camelus cupiens cornua aures perdidit ('o camelo por querer ter chavelhos perdeu as orelhas'). A ambição desmedida pode trazer mais danos do que benefícios. Quando a ganância ultrapassa os limites, podemos sair prejudicados.



4. Fiat lux ('faça-se luz').


5. Como proclamou Virgílio, na Eneida, fama uolat. Este verso terá que ver com a rapidez com que se espalha uma notícia, neste caso remete para a denúncia do amor de Dido. 



6. Honoris causa é a fórmula usada para comunicar a uma entidade que recebeu um título honroso, 'por motivo de honra'. 



7. O pressentimento de que 'no meio está a virtude', deriva da frase in medio stat uirtos



8. Plínio, na obra História Natural, afirmou in uino ueritas ('no vinho está a verdade'). Ainda está muito presente a ideia de que, quando alguém está embriagado, diz a verdade.



9. Ovídio, na obra Metamorfoses, ofereceu-nos o seu maior pensamento: omnia mutantur, nos et mutamur in illis ('todas as coisas mudam e nós mudamos com elas'). 



10. Redde Caesari quae sunt Caesaris, quae sunt Dei, Deo. O provérbio entrou desta forma na nossa cultura e significa 'a César o que é de César e a Deus o que é de Deus'. Semelhante a esta expressão temos «cada macaco no seu galho». 



E podíamos estar aqui muito mais tempo... E vocês ? Quais as expressões latinas que conhecem? Partilhem connosco! :) 



Valete! ('adeus!')



Escrito por Susana Ferreira. 

Sem comentários:

Enviar um comentário