terça-feira, 29 de março de 2016

#4everyoung

Fonte da imagem de base: http://www.amanhaeuteconto.com.br/wp-content/uploads/2015/09/britney-spears-baby-one-more-time.jpg

Estão na casa dos 20 mas toda a gente vos dá, no máximo, uns 15 aninhos?? Então, fica desse lado porque este post é para ti e para todos aqueles que são, todos os dias, descredibilizados por ainda ostentarem uma carinha de bebé! 

Fonte: http://big.assets.huffingtonpost.com/im-not-that-innocent.gif

Susana


Existem três tipos de pessoas:

1. Os indecisos: Aqueles que ficam na dúvida porque não sabem se eu sou mais nova, ou da mesma idade, do que a minha irmã. (A minha irmã tem 19 anos e eu tenho 23). Já me disseram que eu sou a mais nova das duas e houve, até, quem dissesse que somos gémeas!! *Pânico*

Fonte: http://cdn1.theodysseyonline.com/files/2016/02/14/6359106575700365491601103739_tumblr_inline_naw3y7jpVc1s17xnw.gif


2. Os ''sem sombra de dúvida'': Este tipo de pessoas acolhe-me, rapidamente, no seu seio familiar e trata-me por «Ó filha». Normalmente, os ''sem sombra de dúvida'' estão convictos de que sou uma gaiata lá do liceu, com uns 15/16 anos. Na semana passada, tive de ir a uma escola secundária tratar de umas burocracias relacionadas com a vida de professores e passou-se o seguinte:

Eu: - Desculpe, será que me pode indicar a secretaria da escola?
Funcionária: - Ó filha, então é à entrada!! Então tu não sabes, filha??
Eu: - À entrada? Não vi. 
Funcionária: Então, ó filha, está lá uma pessoa à entrada!!
Eu: - Ah... Ok, desculpe... Esta não é a minha escola...


#justsmileandwave
Fonte: https://media2.giphy.com/media/PGoyEtwIeIHZe/200_s.gif

3. Os polícias. Este tipo de pessoa é muito desconfiada. Os polícias são aqueles que estão sempre atentos aos casos de exploração infantil. Há dois anos, fiz uma espécie de voluntariado, isto é, estive, com uma amiga, a vender alguns produtos. O valor desses produtos iria reverter a favor de uma instituição. Uma das pessoas que abordámos perguntou: «Os vossos pais sabem que estão aqui? Vocês têm idade para estar aqui??». Nós explicámos que já estávamos na casa dos 20 mas o indivíduo não ficou convencido e ainda se riu...

Conclusão: Por muito que goste de ser «filha» de muita gente, dava jeito alguma credibilidade... No outro dia, fiz uma reclamação e, quando me viram, só faltou rir! Como quem diz, «Quem és tu? Ainda agora largaste as fraldas e já queres fazer uma reclamação??». 


Fonte: https://themodernjedi.files.wordpress.com/2012/03/stink-eye.gif


Mariana

Bem, no meu caso, ao ar jovial adiciona-se o facto de ter uma baixa estatura. Assim sendo, nunca ninguém me atribui os meus vinte e quatro anitos :D Estes são dois exemplos que comprovam a situação:

Fonte: https://brilhodaestrelinha.files.wordpress.com/2010/12/two-talking-women.jpg
Nota: a minha mãe tem 1.50 cm. 



Fonte da imagem base: http://www.radioactiveunicorns.com/wp-content/uploads/2013/06/malipi.jpg

Sónia

Eu também tenho uma carinha de bebé e, como tal, vou descrever-vos algumas situações que me acontecem com frequência.

A) Nunca ninguém acredita que eu sou a mais velha do meu grupo de amigas. Esta cara de bebé aliada ao facto de, na maioria das vezes, usar roupa mais informal e ter cabelo encaracolado ajuda.

B) No ano passado fui professora-estagiária numa escola secundária. Acho que o ano letivo acabou e as funcionárias auxiliares ainda pensavam que eu era uma aluna. Houve situações hilariantes, como por exemplo ter de pedir a chave para ir à casa de banho dos Professores (a escola fazia essa distinção mesmo) e as funcionárias olharem para mim com um ar desconfiado.
Ou quando eu e os restantes membros deste blog estávamos a trabalhar na Sala dos Professores e uma professora nos pergunta: "Estão aqui porquê? Querem falar com algum professor?"

C) Como já disse aqui, neste momento, encontro-me a trabalhar, em regime de part-time, no Jumbo. Não dá para contar pelos dedos das mãos e dos pés as vezes que me perguntam: "Ó menina, mas você tem idade para trabalhar aqui????"

D) Ainda sobre o meu local de trabalho... Não dá para vos dizer o escândalo que foi quando algumas pessoas descobriram que eu era professora! Em primeiro lugar porque, afinal, tenho dois canudos e estava no Jumbo a trabalhar (ainda que seja em part-time); depois, porque ninguém me dava mais do que 20 anos. É triste esta vida :D

Toda a gente me diz: "não ligues, quando tiveres 40 anos vais aparentar ter 30 e toda a gente quer isso!" mas, como a Susana referiu, era bom que existisse mais credibilidade e não julgassem o livro pela capa, como se costuma dizer. Agora, já contrario um bocado a situação se quiser, mas nem toda a gente tem condições (como comprar roupa mais formal, usar maquilhagem...) para poder fazer o mesmo!


Canto Superior Direito.

2 comentários:

  1. ahahah
    tenho uma historia similar, também, numa casa de banho de professores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até quando vamos ser ''barradas'' nas casas de banho desta vida? =D

      Eliminar